Memes, Para Nossa Alegria, Pc Siqueira, Aborto…

Hoje estava vendo a galera que foi ao programa da Eliana, por estar famoso na internet. Entre eles meu chará Jefferson, a Mara e a Suelen, que protagonizaram o vídeo ‘Para nossa alegria’. Ainda participaram a Ana do Tá e Daí?, o Mc Maloka, o Breno que fez um App para sua ex-namora Natasha e mais uma galera. Achei bacana ver todo mundo dançando e cantando a música Galhos Secos (para nossa alegria) e se divertindo com algo tão simples. Me senti mal de alguma vez ter criticado essa gurizada da internet, achei que poderia ser mais tolerante, pensei: ‘no fundo todo mundo só quer se divertir’.

Infelizmente meu arrependimento não durou cinco minutos. Entrei no Youtube e um novo vídeo do Pc Siqueira estava listado entre os últimos vídeos publicados. No vídeo o Pc Siqueira fala sobre a nova lei aprovada sobre o aborto no caso de bebês com anencefalia. Até aí tudo bem, o problema foi ele dizer que é favorável a aprovação da legalização do aborto sem qualquer pré-condição, pela simples escolha da mãe.

Para embasar sua opinião, usou a opinião de líderes religiosos que são contrários a prática do aborto. Temos que sempre ter cuidado com a recíproca. O fato do Pc Siqueira ser ateu, não pode fazer com que ele acredite que todas as opiniões de um líder religioso não devam receber crédito. Eu não pratico nenhuma religião e não acredito na legitimidade do aborto, independente de consequências religiosas. Se uma mulher que aborta vai para o inferno, isso pouco me interessa. Cada um acredita no que quiser acreditar, mas religião ou a falta dela, não pode passar por cima de uma questão simples: o aborto apenas pela escolha de não querer continuar uma gravidez é sim um assassinato. Tirar a vida de uma criança saudável apenas por vaidade ou por medo das consequências é inaceitável.

Pergunte para uma mulher com dificuldades para engravidar, o que ela pensa sobre o aborto. Pergunte para uma criança que foi adotada, se ela preferia ter sido abortada. Tão ridícula quanto a defesa usada pela igreja contra a prática do aborto é a defesa usada por quem o defende: ‘a mulher tem direito sobre o seu corpo’. Tudo na nossa vida possui prioridades e a defesa de uma vida certamente tem prioridade sobre a preservação do corpo de uma mulher.

Assim como se defende a ideia de que, ao beber e dirigir você assume o risco de matar alguém, ao transar sem camisinha ou qualquer outro contraceptivo, assume-se as chances de engravidar. Não consigo entender o que justifica a morte de uma criança, apenas pelo desejo de não levar uma gravidez adiante. Com a aprovação de uma lei legalizando o aborto, quantos namorados poderiam convencer suas namoradas a abortar. Quantos pais conseguiriam convencer suas filhas a abortar. Quantas mulheres poderiam agir por impulso e se arrepender depois.

Não é novidade os casos de mulheres que tentam abortar, não alcançam êxito em sua empreitada e em pouco tempo acabam aceitando sua gravidez. Fico decepcionado de ver um cara como o Pc Siqueira, falando qualquer coisa sem ao menos ponderar sobre o assunto, sabendo da idade de seus seguidores e não se preocupando com a influência que possui diante de crianças que estão formando seu caráter e seus valores. No fundo talvez essa nem seja de fato sua opinião, mas falar de aborto é sempre um assunto que rende e é de acessos que estes caras vivem.

Criar uma geração que acha normal o aborto é no mínimo terrível. Isso não tem nenhuma relação com religião, você não precisa ser temente a nenhum deus para acreditar na defesa da vida. Se existe ignorância por parte das religiões, existe uma ignorância ainda maior por parte daqueles que se intitulam ateus.

Em toda a história sobre ‘este tal Jesus’, contata nos evangelhos, sua mensagem era apenas de paz, amor e tolerância. Isso não impediu que guerras e massacres fossem comandados ao redor do mundo, em seu nome. Até hoje, não vi um relato que credencie a Jesus, o desejo de morte, de vingança. Por isso repito: ‘a recíproca nem sempre é verdadeira’. Ser favorável ao aborto por ser ateu é completamente ignorante. Temos que ter a capacidade de analisar o que é certo, diante de nossos próprios valores. Seguir cegamente uma religião é igualmente equivocado a acreditar que tudo que uma igreja defende, deve ser aplicado de forma inversa.

Os canais de televisão estão cheios de pastores e padres em busca de suas realizações pessoais, usando o nome de Jesus como justificativa. Isso não precisa me impedir de acreditar na existência de um Deus.

Cauê Moura e Pc Siqueira

Já falei algumas vezes sobre o Pc Siqueira e o Felipe Neto aqui no blog, não me recordo se já citei o Cauê Moura, mas enfim. Continuo achando exatamente a mesma coisa sobre eles e não consigo entender como agências de propaganda de todo o país, gastam tanto dinheiro com gente que não tem nada a oferecer além de VIEWS. Na realidade, esses ‘cata acessos’ caíram como luva para agências de propaganda que precisam justificar investimentos. Você realmente acha que a gurizada que é fã destes caras, vai comprar um carro da Renault por exemplo?

É muito difícil mensurar o resultado de campanhas publicitárias e neste caso, números são uma ótima forma de simplificação. É assim na TV com o famoso IBOPE e é assim na internet com a contagem de ACESSOS.

Usei três exemplos interessantes, tanto Pc Siqueira quanto Felipe Neto e Cauê Moura, ganharam notoriedade na internet, criticando assuntos polêmicos ou pessoas polêmicas. Uma receita bem simples e barata, óbvia demais. Quando o Restart era o assunto mais falado entre a gurizada, criticar os garotos coloridos é uma maneira simples de chamar atenção. Foi assim com Crepúsculo, foi assim com Fiuk, foi assim com tantos outros assuntos.

Porém, se qualquer pessoa na internet fizer um comentário ou uma crítica, lá vem os seus ‘talifãs’. Sem argumentos inteligentes, sem análise, sem senso crítico ou muito menos bom senso. Simplesmente você NÃO PODE fazer qualquer crítica, sem alguém apontar para você e lançar a velha frase: ‘Você quer embarcar no sucesso deles’. Nem todo mundo quer abarrotar um site, blog ou vlog de acessos. Então por gentileza, use outro argumento, afinal, seria mais fácil puxar o saquinho froxo deles.

O mais estranho é que, 98% dos fãs desses caras, são na realidade, gurizada, daquelas criadas a ‘leite com pera’, que paradoxalmente eles costumam criticar tanto. Gurizada vazia e inútil que infelizmente tomaram a internet como fonte de informação única. Vamos aos temas que cada um já usou, para provar a falta de originalidade:

Pc Siqueira: Restart, Cine, Colírios, Rebolation, Justin Bieber…
Felipe Neto:  Restart, Colírios Capricho, Vida de Garoto, Fiuk, Justin Bieber, Crepúsculo…
Cauê Moura: Restart, Pc Siqueira, Religião, Justin Bieber…

Querendo ou não, se alguém se aproveitou do sucesso de alguém, foram os três, falando sobre modas adolescentes. Todos sabemos que gurizada quando é fã, se entrega de cabeça. É amor ou ódio. Eles aproveitaram toda a parcela que odeia essas modas atuais, fazendo a voz de quem não curte os assuntos em maior evidência na mídia nacional e internacional. E quando eles falaram um do outro? É galera, a internet não esquece nunca. Eles podem deletar os vídeos, mas alguém sempre guarda. Tanto Pc Siqueira quanto Cauê Moura trocaram ofenças pela internet, claro que agora que o Cauê Moura também virou ‘famozinho’, viraram os melhores amigos.

A identidade mantida…

Já falei aqui no site, que não gosto muito de falar das coisas que não gosto. Prefiro muito mais, indicar assuntos que me agradam. Em contrapartida, já fiz alguns artigos fazendo avaliações críticas sobre PC Siqueira e Felipe Neto. Se você nunca ouviu falar deles, provavelmente chegou de Marte ontem.

Em um dos meus textos porém, comentei que acreditava muito mais na permanência do Pc Siqueira do que na continuidade da fama meteórica do Felipe Neto. Enquanto o Pc Siqueira fala de coisas cotidianas, sendo boas ou ruins, o tema do Felipe Neto é sempre um assunto muito popular, viral e controverso por consequência.

Parece que minhas ‘previsões’ se confirmaram. Apesar do Pc Siqueira ficar atrás dos números do Felipe Neto (sem comparar um ao outro diretamente, apenas como base de informação), talvez essa fama menos arrebatadora tenha mantido os pés do Pc Siqueira no lugar. Enquanto o Felipe Neto continua aumentando sua lista de adoradores de um lado e profanadores do outro, Pc Siqueira veio correndo por fora, mantendo a linha, fazendo exclusivamente o que lhe fez famoso.

Continuou mantendo todas as suas esquisitices que arrebataram a gurizada da internet e confesso, já tirou muitas gargalhadas de mim. Minha constatação fica óbvia nos famosos votos de Gostei e Não Gostei.

Em seu último vídeo, Pc Siqueira acumula até o atual momento, 4.121 joinhas e apenas 74 negativas. No último vídeo de Felipe Neto, são mais de 5.000 negativas. Ou seja, ele consegue ter mais reprovação, do que Pc Siqueira de aprovação. Em porcentagem, nos vídeos de Pc Siqueira, 1,79% não gostaram do vídeo. No último vídeo do Felipe Neto 16% das pessoas não gostaram do vídeo.

O que você me diz? É só uma questão de cálculo. É uma ciência exata. Se você fosse um grande empresário, de uma mega empresa brasileira. E tivesse a idéia de anunciar com um dos dois. Você arriscaria contrair 16% de insatisfação ou 1,79%?

Pc Siqueira e Felipe Neto apesar de parceiros, estão aí para provar que nem tudo que é popular é necessariamente bom. Muitas vezes não é. Nem tudo que chama atenção, que causa báfáfá, no fundo é algo bacana. Muitas vezes não é. Prefiro o meio termo. Prefiro o segundo lugar que causa simpatia, do que o primeiro que incentiva a discórdia, a intolerância, o pré-julgamento.

Eu sou mais Pc Siqueira.

Onde estará Felipe Neto?

Se você não possui tv por assinatura em casa, deve estar se perguntando: Onde estará Felipe Neto? O garoto que ficou conhecido entre adolescentes na internet, publicou seu último vídeo em 08 de dezembro de 2010. Hoje, passado um mês após este vídeo (com rejeição recorde), o garoto parece ter desistido da internet. Em seu twitter, um novo vídeo deve sair em breve.

Para você ter uma idéia, seus primeiros quatro vídeos foram postados dias 20, 22, 24 e 28 de abril de 2010. Realidade bem diferente dos dias atuais. Novamente a expressão ‘cuspir no prato que comeu’ me veio a mente, não sei porquê.

Quando falei do Felipe Neto aquiaqui, aqui e aqui eu já imaginava em que direção iria seguir essa fama meteórica. Na verdade, um garoto como o Felipe Neto fazer sucesso na internet só demonstra a profundidade da alienação que estamos vivendo. Talvez todo mundo que tenha um blog, sonhe em vivenciar esse momento de fama nacional, ter milhões de acessos e ter a sensação de que milhares de pessoas estão prestando atenção no que você tem a dizer. Mas diante da tolice que faz sucesso na internet brasileira, diante dos assuntos que se tornam Trending Topics, começo a achar que um dia, blogueiros e vlogueiros serão iguais a ex-BBB’s, meio famosos e desprezados pela mídia.

A internet nunca foi tão monofásica. Ou você está falando sobre humor escrachado, ou ‘malhando o pau’ em alguém (como estou fazendo agora talvez), ou está avaliando quem tá malhando o pau em alguém. É como ligar para alguma pessoa e ficar avaliando que tipo de coisas se faz no telefone. Será que na internet, podemos falar de outras coisas que não seja a internet e seus usuários? Antes que você me critique, vou explicar para que você possa entender, como se você tivesse 6 anos de idade (se você nunca viu Philadelphia nunca vai entender a piada).

Existem milhares e milhares de blogs pelo país. Falando de todos os tipos de assuntos. Dos mais intelectuais aos mais irrelevantes. Tem para todos os gostos: musicais, humorísticos, moda feminina, politicos e segue o baile. Porque então, dar tanto espaço para tão poucas pessoas, que depois, criam uma espécie de patotinha, onde ninguém mais entra. É o clube vip da internet brasileira.

Você nunca viu? Parcerias entre Kibe Loco + Jacaré Banguela, Felipe Neto + Pc Siqueira, Brogui + Felipe Neto. Essa mesma patotinha dos famosos, acomete os humoristas de Stand Up e programas de humor na TV. O que as pessoas não entendem, é que tudo perde a graça quando este fatídico dia acontece. Você lembra do Repórter Vesgo e do Sílvio Santos, avacalhando com tudo que era celebridade? E por que eles não fazem mais nada disso?

Simples, porque viraram amigos das celebridades, são vips agora. Não dá para zuar ninguém. Agora ao invés de porta de festa, eles são convidados, estão lá dentro, aproveitando todo o conforto que o dinheiro pode pagar, dinheiro que você o ajudou a ter.

E assim, contaminados pelo impiedoso vírus da fama, todos vão perdendo a graça, um a um. Onde estão Mendigo e Quietinho? Os dois humoristas mais engraçados do Pânico, preferiram um contrato com mais zeros a direita e lá foram a caminho do anonimato. E nosso querido Freddie Mercury Prateado (Eduardo Sterblitch) que entrou no programa como quem não quer nada e salvou o Pânico do anonimato, também já segue por este caminho. Em breve não vai mais se submeter as mesmas situações vexaminosas, que antes ele topava numa boa.

Enquanto isso, você que se esforça para ter um blog com conteúdo legal, interessante, feito com dedicação e respeito, vai ficando pelo caminho. Com o tempo desiste e novamente iniciará o ciclo, com outros ‘humoristas’ anônimos, que se tornam celebridades, que se tornam vips, que se tornam sem graça (…) e nós ficaremos aqui, somente como espectador, enquanto eles brindam as vantagens de ser vip.

Quem sabe um dia…

Cheguei a uma conclusão, parafraseando Felipe Neto… Isso tudo, NÃO FAZ SENTIDO!

Felipe Neto e Pc Siqueira são a mesma pessoa

A vantagem do Felipe Neto é que meu blog praticamente não tem acessos. Segundo os números dele.

Felipe Neto

Hoje recebi um comentário em um artigo que eu fiz sobre Felipe Neto e o Pc Siqueira, o comentário dizia apenas:

Dor de cotovelo é foda!

O que acendeu a minha vontade de falar um pouco mais sobre o assunto, até porque outros acontecimentos relevantes se passaram desde lá. Neste tempo o Felipe Neto recebeu um prêmio da MTV, foi convidado para ir no Programa do Jô e anunciou que terá um programa na TV, não sei de que canal ele se refere. E apesar de ele tentar dizer que não tem nada contra ‘bandas coloridas’ e que é só um personagem, quando recebeu o prêmio, fez questão de fazer referência as ‘famílias’, outra provocação barata sobre RESTART e HORI.

Enfim, em um país onde se elege políticos Ficha-Suja, onde o Collor é eleito (Tudo bem que você nem era nascido quando ele acabou com o país, mas é história e você deve se interessar pelo assunto), onde Tiririca é o deputado mais votado do país e onde Dilma apesar de uma mera desconhecida, agora é a queridinha do povo, só porque o Lula quis assim, não é difícil entender que popularidade está longe de exigir qualidade e caráter.

Acompanho cada acontecimento da internet, cada fenômeno, cada sucesso meteórico, bem de pertinho. Você conhece o Casal Fotolog? Não? Nunca ouviu falar? Pois é, há 6 anos eles eram a maior webcelebridade do país, estamparam todas as principais revistas adolescentes e sabe o que fizeram com sua fama?

Vendiam camisetas, igualzinho ao Felipe Neto e Pc Siqueira começaram a fazer. É quase que obrigatório: Fez sucesso? Vamos vender camisa. Precisamos começar a inovar mais. Até essa história de copiar as tattooagens do PcSiqueira, as meninas faziam na época, copiando a tattoo de cerejas que ela tinha no quadril.

Onde está o Casal Fotolog hoje? A banda dele nunca decolou comercialmente, apesar de ele usar a sua ‘fama’ para isso, igual ao Felipe Neto está tentando fazer com sua ‘carreira de ator’, eles se separaram e hoje, ninguém mais quer saber quem são. Eles só não foram parar no Programa do Jô, porque a internet ainda não tinha essa influência na tv.

As pessoas precisam entender que hoje, as agências de propaganda e marketeiros de todo país, buscam a fórmula mágica para se fazer sucesso neste novo meio de comunicação: a internet. Sempre que algo se destaca, a primeira atitude é atrair esta pessoa, para extrair dela a única coisa que eles querem, audiência na internet. É o que o próprio Felipe Neto classificou como ‘massa de manobra’. Ao invés de fazerem um filme com atores modeletes, eles fazem propagandinhas inseridas nos seus vídeos. E pouco importa se gostam ou não desta pessoa. Exemplo disso é o Programa do Jô trazer o Felipe Neto ao programa, falar mal de bandas coloridas e dias depois entrevistar o RESTART. E aí? Deu para entender a jogada?

Enquanto as webcelebridades acumularem acessos, o interesse continua, assim que esses acessos se tornarem insignificantes, bye bye meu bem.

E quem já estiver pensando em me ofender, dizendo que quero aparecer e blá blá blá, meu amigo(a), tenho este blog há anos e ele não trás nenhum conteúdo popular, ninguém vai se interessar em ler poesias, textos ou coisas filosóficas, eu sou inteligente o suficiente para saber que o público que gosta de Felipe Neto, dificilmente vai gostar do conteúdo do meu blog e mesmo que cada fã de Felipe Neto acesse este blog:

Ao terminar de ler este post…
Deixar um comentário ofensivo…
Fechar a janela do browser…

Ele nunca mais voltará, então se quiser ofender, use um argumento mais inteligente que isso, combinado?

Eu vi a entrevista do Felipe Neto no Programa do Jô, vi a participação dele no Debate MTV e vi todos seus vídeos. Vejo, porque para criticar na minha opinião, você precisa ter propriedade e fundamentação. Até hoje não consegui ver UMA risada sincera dele. Tudo nele é forçado. E ele se acha tão ‘bom ator’ que diz: ‘Não sou eu nos vídeos do ‘Não Faz Sentido’ é uma personagem’. Personagem homônimo.

Isso tudo passando doses generosas de Laquê KARINA. É de fazer inveja a Tom Hanks. Um cara que curte Johnny Depp deveria ter aprendido mais sobre a arte da caracterização.

Acho que as doses excessivas de Laquê Karina afetaram o senso de realidade do Felipe Neto. E você aí fã de Felipe Neto que acessa internet na Lan House, porque o país não sabe distribuir renda e por isso você não tem condições de ter um computador em casa, o que achou dos vídeos onde ele mostra seu iTouch e seu novo iMac? Isso alguns dias depois do Pc Siqueira anunciar a ‘compra do seu’. Ou o Felipe Neto quer copiar tudo que o Pc Siqueira faz, ou na verdade a Apple deu o iMac e isso mais um viral.

Mas paciência, o Brasil e o mundo só estão onde estão por excluirem seus verdadeiros heróis, enquanto idiotas são exaltados. Se as pessoas tivessem tanta paixão e ódio para discutir política e problemas sociais, quem sabe você também não teria um iMac em casa.

Uma menina muito querida, me escreveu que, eu, aos 28 anos, não posso saber o que se passa na cabeça dos adolescentes como ela, que tem 12 anos e que concorda com o Felipe Neto que critica Colírios e Justin Bieber. Aí pergunto para você: O Felipe Neto tem quantos anos?

E me responda agora, qual o mal que Justin Bieber, Colírios, Restart e afins, estão fazendo para algum adolescente? Nenhum. É um produto comercial? Óbvio que é, todo mundo quer ganhar dinheiro em um mundo capitalista. Assim como você consome uma revista dos Colírios, você consome um produto no mercado.

Você adolescente partidário(a) do Felipe Neto, sabia que há muitos anos, a Capricho lancou uma série de livrinhos com atores internacionais? Sabe quem era um dos COLÍRIOS CAPRICHO? Exatamente o grande ídolo do nosso Felipe Neto, JOHNNY DEPP.

É meu amigo, o passado condena. Sabe que ano que a Capricho foi inventada? Em 1952. Até a sua avó já consumia este tipo de produto. Não é nenhum assunto novo não.

Chupa essa manga agora galera…

Quando eu tiver mais alguma coisa relevante sobre esse assunto eu volto aqui. Vou lá pedir ao S. Miagui aquele pó efervecente para curar minha dor de cotovelo.

Atualizando:

Eu iria postar o vídeo do Felipe Neto falando do Crepúsculo e dizer que admitia que neste vídeo eu ri, mas infelizmente apareceu isso:

A incorporação foi desativada mediante solicitação

Eu tentei, vocês viram…

Next Posts