Mell Peck – Uma paixão em um minuto

Você não precisará mais que isso para cair de amores por esta cantora brasileira, moradora da cidade gaúcha de Sapucaia do Sul. Tudo bem, talvez sua beleza e suas inúmeras tatuagens estivessem influenciando minha capacidade de discernimento. Resolvei então ouvir mais que um minuto, passei a achá-la ainda mais talentosa e bela. Eu estava certo, Mell com perdão do trocadilho, possui uma das vozes mais doces que eu já ouvi.

Conheci o trabalho da Mell através da canção ‘Dia Especial’, uma regravação da banda gaúcha Cidadão Quem, banda que eu atendi de 2004 até o seu fim definitivo em 2014. Depois vieram a versão do Pouca Vogal, projeto que também envolve meu amigo Duca Leindecker. Eu precisava ouvir mais, e sua canção virou trilha sonora dos meus dias. Você deve estar achando que estou exagerando, mas pense por um minuto no resultado de uma bela cantora, com uma bela voz, com uma ótima capacidade de reestruturar excelentes canções e com escolhas musicais extremamente precisas.

Na sua lista de covers ela passa por: The Cranberries (Aliás, sua voz em muito se assemelha a Dolores O’Riordan), ColdPlay, Alexandre Nero, Los Hermanos, Enya, Charlie Brown, Linkin Park, The Corrs, Clarice Falcão, Legião Urbana, Paralamas, Tiê e uma lindíssima e surpreendente versão de Misty Mountains Cold, tema da trilogia O Hobbit.

Ela consegue inclusive fazer versões de bandas ou cantores que eu não acompanho muito, mas que acabam ficando excelentes em sua voz. Eu cai de amores deliberadamente pela Mell e tenho certeza que em um futuro breve, compartilharei desta paixão com milhares de pessoas. Vou escolher alguns vídeos para você aproveitar a oportunidade e incluir a Mell Peck em seus dias também, assim como fiz. Tem inúmeras canções em seu canal. Ouça todas…

Como seguir a Mell Peck:

YouTubeInstagramFacebookSoundcloud


 

Dia Especial – Cidadão Quem

Acho – Alexandre Nero

A Noite – Tiê

Lianne La Havas – Unstoppable

A cantora britânica Lianne La Havas lançou ontem o primeiro single do seu terceiro álbum, intitulado “Blood”. O lançamento está previsto para 31 de julho deste ano, mas o álbum já está em Pré-venda na iTunes.

Se você não conhece nada sobre a Lianne, eu fiz um post sobre ela há algum tempo.

Welcome Back Michael

Eu sempre sonhei em vivenciar uma teoria conspiratória verdadeira. Sempre quis ver um anúncio bombástico tomando as televisões de todo o mundo. Um ataque alienígena ou Zumbi, saber que o Bin Laden está vivo, que o World Trade Center foi um plano do próprio governo americano, que o Elvis não morreu, que ninguém pousou na Lua, que Paul McCartney de fato morreu em um acidente de carro e que as músicas da Xuxa realmente possuem mensagens do capeta (se bem que essa é verdade e nem precisa tocar ao contrário). Vivemos cercados de teorias conspiratórias, mas que de fato nunca foram comprovadas.

Quando assisti ‘This is It’, a sensação que eu tive foi nítida: Michael Jackson não morreu. Não sei se gostaria de acreditar nisso diante das circunstâncias da sua morte, justamente dias antes de seu retorno aos palcos de forma triunfante, deixando essa sensação de algo inacabado, injusto ou se realmente seria fantástico vivenciar este tipo de situação.

Recentemente a banda Daft Punk lançou um novo single com o sugestivo título ‘Get Lucky’. A música repleta de sintetizadores, no melhor estilo Disco anos 70/80, tem uma vibe que lembra e muito, as músicas de Michael Jackson, misturando Pop, Rhythm and Blues, Rock, Funk e Soul. Enfim, música boa, baladinha boa, com o bom vocal do rapper Pharrell e a guitarra do mestre Nile Rodgers. Confere aí:

Influências do rei do pop? Sim, certamente. Até surgirem algumas referências mais diretas. Presta atenção nas capas dos álbuns ‘Random Access Memories’ do Daft Punk e a capa do icônico ‘Thriller’ do Michael.

daft

Coincidência? Referência? Homenagem? Pode ser, provavelmente seja tudo isso. A coisa começa a ficar estranha, quando ‘alguém’, pegou a música original e alterou o tom da voz, segundo meu amigo Gabriel Reinert, o termo técnico para isso é ‘Pitch‘ e voilá, que voz aparece na canção? Não sei se isso foi intencional, se é só coincidência? Sei não, daria tudo para ser o próprio Michael Jackson ‘voltando a vida’, revelando que tudo não passou de uma grande estratégia comercial ou coisa do tipo. Vale lembrar que Mr. Michael é o artista que mais faturou com suas músicas, cerca de US $ 7 bilhões, sendo que US $ 1 bilhão foi arrecadado somente após suas ‘morte’. Para quem estava meio falido, não seria nada mal. Vai Michael, aparece aí…

Confere a música com a alteração no Pitch e tome suas conclusões:

Paul McCartney, Natalie Portman e Eric Clapton

Esta sem dúvida é o que poderíamos chamar de santíssima trindade. O talento de um Beatle, a guitarra de Clapton e a beleza e interpretação de Natalie Portman. Linda canção e linda a participação da Natalie Portman interpretando a canção na linguagem dos sinais. “My Valentine” é o primeiro single do álbum “Kisses On the Bottom”, lançado em fevereiro de 2012. O clipe porém, foi lançado no dia 13 de abril, pela Noyse Vice.

O álbum ainda conta com a participação de Stevie Wonder e regravações de Fats Waller (I’m Gonna Sit Right Down and Write Myself a Letter), Nat King Cole (It’s Only a Paper Moon) e Frank Sinatra (My One and Only Love).

My Valentine ou Minha Namorada, não poderia ter escolha melhor, Natalie Portman em “Black Swan Mode On” como li em um comentário, tem a sutilidade, expressividade e delicadeza gestual da linguagem dos sinais, mas ainda assim contém toda a sensualidade que é inerente a ela, sempre com seu olhar enigmático e sedutor. Natalie Portman sem dúvida é uma das atrizes mais expressivas que conheço. Ela parece sempre esconder algo, parece sempre mal intencionada, uma incognita capaz de fazer qualquer um fantasiar aquilo que bem entender.

Letra

My Valentine
What if it rained?
We didn’t care
She said that someday soon
The sun was gonna shine. Read More…

Vitor Kley – Luz a Brilhar – Clipe

Vitor Kley é um músico talentoso que vêm se destacando no cenário musical nacional. Vivendo na bela praia de Balneário Camboriú/SC, seu hobby é pegar onda e foi fazer isso ao lado de ninguém menos que Armandinho, que também mora pertinho, na praia Brava. Além de dividir a paixão e inspiração do mar, compartilham do mesmo estilo e talento musical. Sintonia perfeita que só poderia render uma grande parceria. Depois de colocar uma das canções compostas pelo Vitor Kley em seus shows, resolveu levar o criador para dividir o palco juntos e nesta parceria estão durante a turnê internacional e nacional do Armandinho.

Parte dessa vivência está registrada neste belo clipe, embalado por essa canção que gruda na cabeça fácil fácil.

O lançamento do clipe antecede o lançamento do novo álbum, o segundo da carreira deste garoto que problema ser um grande representante da categoria.

Sorrisos e Lágrimas – Emicida feat Rael da Rima

Novamente ele. Emicida definitivamente invadiu o país com seu rap. Não somente o país, parece que já tem gente lá forma de olha no cara. Ontem a noite no Programa do Jô, simplesmente dois dos três convidados citaram o Emicida, por assuntos distintos. Primeiro foi o Marcelo Tas e depois a cantora Mariana Aydar, que disse ter gravado uma música com o rapper.

Ontem o Emicida liberou no seu canal do Youtube, o clipe de ‘Sorrisos e Lágrimas’, faixa exclusiva do álbum físico, quem baixou o cd não tem essa música originalmente. As cenas foram captadas justamente durante sua viagem a NY, quando foi gravar seu último EP, Doozicabraba. Achei engraçado que o Youtube marca o vídeo como enviado em 29 de agosto de 2011. Provavelmente data em que o vídeo foi carregado, porém a liberação foi feita somente agora.

Ficha Técnica

Música: ‘Sorrisos e Lágrimas’
Letra: Emicida
Part: Rael da Rima
Produção: Beatnick e Ksalaam
Album: Doozicabraba e a Revolução Silenciosa
Lançamento: Julho|2011

Direção e produção: Gandja Monteiro
Assistente de direção: Juliana Leandra
Fotografia, montagem e motion graphics: Bruno Toré
2nd camera: Gandja Monteiro
Colorista: Kate Izor

Musica produzida por Beatnick & K-Salaam
Video produzido por 6&B Films

A rua é noiZ!

Next Posts