Adele

Faz muito tempo que gostaria de falar sobre a Adele, mas nunca tive tempo. Vou aproveitar e fazer um apanhado geral da sua carreira, assim caso você já goste da garota, fica sabendo mais detalhes e caso nunca tenha ouvido falar, já vira fã agora mesmo.

Primeiros anos

Adele Laurie Blue Adkins (5 de maio de 1988), conhecida apenas como Adele, é cantora e compositora inglesa. Apesar do sucesso gigantesco que ela vem alcançando, a garota ainda, de 23 anos, tem apenas dois álbuns, suficientes para se colocar em local de destaque na música mundial. Nasceu em Tottenham, um bairro de Londres na Inglaterra. Começou a cantar aos quatro anos e afirma que já era obcecada por vozes. A referência musical dela não é das melhores, Spice Girls (WTF?!).

Aos 11, Adele e sua mãe, mudaram-se para West Norwood ao sul de Londres. West Norwood é o tema para primeiro registro de Adele, ‘Hometown Glory’, escrito quando ela tinha 16 anos. Foi lá que passou a se interessou por artistas de R&B artistas como Aaliyah, Destinys Child e Mary J. Blige.

Adele afirma que um dos momentos mais definindo em sua vida foi quando ela viu a cantora ‘Pink’ se ??apresentar no Brixton Academy.

Carreira

2006/08 – O início da carreira

Ela se formou na BRIT School for Performing Arts & Technology em Croydon em maio/2006, onde foi colega de ‘Leona Lewis’ e ‘J. Jessie’. Na escola, ela estava mais interessado em ir para A&R (Artists and Repertoire), uma divisão responsável pela busca de novos talentos e a manutenção de suas carreiras. Quatro meses depois, ela publicou duas músicas na quarta edição da publicação online da PlatformsMagazine.com. Ela já havia gravado uma demo de três músicas para um projeto de classe e deu a demo para um amigo, que postou no Myspace, conseguindo muitos acessos. O sucesso na internet rendeu um telefonema do selo ‘XL’. Ela duvidava da oferta, pois a única gravadora que tinha ouvido falar era a Virgin Records.

Nick Huggett da XL havia recomendado Adele ao gerente Jonathan Dickins em 2006. Dickins deu lugar a Jamie T, no momento, o que beneficiou Adele, já que era um grande fã de músicos britânicos. Huggett então assina com Adele pelo selo XL em setembro de 2006. Adele gravou os vocais da canção ‘Yvonne Meu’, para seu single de estreia.’Hometown Glory’, o segundo single, foi lançado em outubro de 2007. Adele apoiado Will Young no 2007 MENCAP Noise Sessions Little, um concerto de caridade em na Londres Union Chapel. Em 2008 ela foi a atração principal e fez um acústico despojado e ao lado de ninguém menos que ‘Damien Rice’.

2008/09 – Lançamento do primeiro álbum

’19’, o disco de estreia de Adele, faz referência a idade que tinha na época que começou a gravar as músicas. O cd entrou nas paradas britânicas alcançando o TOP 1. Duas semanas antes da estreia de ’19’, ela lançou seu segundo single ‘Chasing Pavements’ em 14/01/2008. A canção chegou a número dois no Reino Unido e lá permaneceu por quatro semanas. Adele foi indicada para o 2008 Mercury Prize. Ganhou um Prêmio de Música Urbana, o ‘Best Jazz Act’. Recebeu o ‘Prêmio Q’, pelo que chamam de ‘Breakthrough Act’, uma espécie de ‘saída do anonimato’. Houveram outras nomeações. Em março de 2008, Adele assinou contrato com a Columbia Records e XL Recordings para a sua tour pelos USA. Ela embarcou em uma curta turnê norte-americana no mesmo mês.

A ‘An Evening’, sua turnê mundial, começou em maio de 2008 e terminou em junho de 2009. Mais tarde, ela cancelou a turnê 2008 para ficar com um namorado da época. Declarou: ‘Eu estava bebendo demais e essa era a base do meu relacionamento com este rapaz. Eu não podia suportar ficar sem ele, então eu era como: ‘Bem, OK, Eu só vou cancelar minhas coisas, então … Eu não posso acreditar que fiz isso … Parece tão ingrato’.

Em novembro de 2008 Adele mudou-se para Notting Hill depois de deixar a casa de sua mãe, mudança que a levou a parar de beber. 19 foi lançado em junho nos USA, mas em Outubro/2008, era evidente que a tentativa de Adele de fazer sucesso na América tinha falhado. Ela seria convidada para o Saturday Night Live. O episódio foi muito aguardado por causa da participação da vice-candidata presidencial Sarah Palin. O programa ganhou sua melhor audiência em 14 anos, com 17 milhões de telespectadores. Adele cantou ‘Chasing Pavements’ e ‘Cold Shoulder’, no dia seguinte, ’19’ liderou as paradas do iTunes e ficou no TOP 5 da Amazon.com, enquanto ‘Chasing Pavements’ subiu para o top 25. O álbum alcançou o número 11 na Billboard 200, como resultado, um salto de 35 lugares ao longo da semana anterior. O álbum foi certificado como ouro em Fevereiro/2009 pela Recording Industry Association of America . Em julho/2009, o álbum tinha vendido 2,2 milhões de cópias mundialmente.

Em julho de 2008, Adele pagou £ 8.000 para uma pintura encomendada pela Stella Vine, em um leilão beneficente em prol da Keep a Child Alive, uma instituição de caridade que ajuda as crianças Africanas e suas famílias que vivem com HIV/AIDS. No 51º Grammy Awards em 2009, Adele ganhou prêmios nas categorias de ‘Melhor Artista Novo’ e ‘Melhor Performance Pop Vocal Feminina’. Ela também foi indicada nas categorias de ‘Gravação do Ano’ e ‘Canção do Ano’. Foi indicada também para três Brit Awards, nas categorias de ‘Melhor Artista Feminina Britânica’, ‘Melhor Artista Revelação Britânica’ e ‘Melhor Cantor Solo Britânico’. Em 17 de setembro de 2009, realizada Adele na Brooklyn Academy of Music, para a ‘VH1 Divas’, um concerto para arrecadar dinheiro para a Save The Music Foundation Charity. Em 6 de Dezembro, Adele abriu com um set de 40 minutos de John Mayer realizado no Nokia Theatre em Los Angeles, Califórnia.

Em 2010, Adele recebeu uma nomeação ao Grammy de ‘Melhor Performance Pop Vocal Feminina’ por ‘Hometown Glory’. Durante o ‘2010 CMT Special Artistas of Year’, Adele realizou um dueto de ‘Need You Now’, a bela canção do grupo ‘Lady Antebellum’, ao lado de Darius Rucker. Mais tarde o dueto foi nomeado para um CMT Music Award.

2010/11 – Os records de Adele

Adele lançou seu segundo álbum de estúdio, ’21’, em 24 de janeiro de 2011 no Reino Unido e em 22 de fevereiro nos USA. O som do álbum é descrito como clássico e contemporâneo, com raízes na música country. A mudança no som do seu primeiro álbum foi influência de seu motorista do ônibus, que tocava músicas contemporâneas de Nashville, enquanto estavam em turnê no sul dos USA. Em junho de 2011, Adele já havia vendido 2,5 milhões de cópias e 992 mil cópias digitais de ’21’ nos Estados Unidos, tornando-o o álbum mais vendido em ambas as categorias no primeiro semestre de 2011. O primeiro single, ‘Rolling in the Deep’, chegou ao TOP 1 em 8 países, incluindo o Billboard Hot 100. A canção já vendeu 4.825.000 cópias digitais nos USA, até agosto/2011, o maior número de cópias digitais vendidas de uma música, em um único ano nos USA.

No Reino Unido, onde o álbum também atingiu a primeira posição, vendeu 208.000 cópias em sua primeira semana, tornando-se o mais vendido no mês de janeiro dos últimos cinco anos. Em meados de fevereiro/2011, após uma apresentação no Brit Awards, a faixa ‘Someone Like You’ foi direto para o TOP 1 na parada de singles do Reino Unido, enquanto o álbum ’21’ também se manteve no TOP 1. De acordo com a Official Charts Company, Adele é a primeiro artista viva, a alcançar a façanha de dois TOP 5 em duas listas: ‘Singles Chart Jornal the Union Oficial’ e ‘Albums Chart Oficial’, simultaneamente, desde os Beatles em 1964. É a primeira vez que um artista ocupa os dois primeiros lugares nos álbuns do Reino Unido, desde The Corrs em 1999. O álbum ficou 11 semanas consecutivas no TOP 1, antes de ser derrubado do topo por ‘Luz Wasting’ do Foo Fighters. Na semana seguinte porém, ela recuperou o primeiro lugar e segurou o posto por mais cinco semanas. Em Julho ‘Someone Like You’, se tornou a primeira canção a vender mais de um milhão de cópias no Reino Unido nesta década.

Em setembro, o álbum vendeu mais de 3 milhões de unidades e Adele se tornou a primeira artista na história da música do Reino Unido a atingir 3 milhões de vendas de um álbum em um único ano. ‘Someone Like You’ se tornou seu segundo TOP 1 no Hot 100 da Billboard, tornando a cantora Adele, a primeira cantora britânica a colocar duas músicas no TOP 1 em anos seguidos. Ela também fez história no Hot 100 por alcançar ‘o maior salto para o número 1 na história, nos últimos 53 anos, sem ser estimulado pelo lançamento de um single.

Para promover o álbum, iniciou o ‘Adele Live Tour’. A turnê se tornou um sucesso. Sua audiência em um maio 2011 no concerto de Beacon Theater em Nova York. Em agosto/2011, Adele revelou que já escreveu sete canções para seu próximo álbum, que ela prometeu que seria mais intimista e relax do que seus dois primeiro.

‘Não será uma grande produção. Quero ter bastante acústico e piano. Eu quero escrever tudo, gravar tudo, produzir tudo e dominá-lo por conta própria. Eu acho que vai levar muito mais tempo, porque eu quero fazê-lo desta maneira’, acrescentou. Em outubro/2011, Adele foi forçada a cancelar dois passeios por causa de uma hemorragia nas cordas vocais. Ela lançou um comunicado dizendo que ela precisava de um longo período de descanso, a fim de evitar danos permanentes à sua voz.

Arte e influência

Voz de Adele é classificada como contralto. Inicialmente, os críticos sugeriram que seus vocais eram mais desenvolvidos e intrigantes do que suas composições, um sentimento que Adele concorda no primeiro álbum. Onde fala de relacionamentos e corações partidos. Seu sucesso ocorreu simultaneamente com vários outros cantoras britânicas, com a imprensa britânica comparando-a como uma nova ‘Amy Winehouse’. Essa comparação, eu tenho que concordar, a primeira vez que ouvi Adele eu pensei a mesma coisa: ‘Parece Amy Winehouse’

Seus vídeos no Youtube já passam de 700 milhões de visualizações ao todo.

Discografia

2008: 19
2011: 21

Ps.: Cantora britânica, branca, voz de negra, começando a carreira gordinha, cancelou shows por causa de um ex-namorado, onde a base da relação era o consumo de álcool, sei não, de repente tive um Déjà Vu. 

One Response to Adele
  1. Kelvya

    Sou fã sem dúvidas!
    Tomara que o final não seja trágico né?! Mas é complicado, grandes artistas, grandes vozes tem o final trágico.

    Adorei o post.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *